Blog »

'VAMOS SAIR (MELHORES) DA CRISE' é o artigo publicado no TEXTO DA TERÇA dessa semana...!

Última Atualização: 13/05/2020 às 13:30:38 por: mario
VAMOS SAIR (MELHORES) DA CRISE
(* Frank Geyer Abubakir)

A primeira vez que ouvi falar do coronavírus, não liguei muito para a notícia. Deve ser mais uma dessas gripes de lá, que não afetam nada aqui, disse a mim mesmo.

Mas, poucos dias depois, uma informação fez toda a diferença.

Recebi um gráfico com as quantidades de soda e PVC produzidas na China. São commodities que a Unipar produz, e por isso acompanho no detalhe.

Desta vez, o gráfico mostrava quedas de mais de 30%.

Pensei: "Se reduziram a carga nessa magnitude é porque a coisa lá foi séria. Desta vez o problema é diferente."

O primeiro instinto do empresário é sempre proteger sua empresa e seus acionistas, mas desta vez, todos estamos sentindo uma responsabilidade ainda maior.

A tragédia humana que o coronavírus está causando não deixa ninguém que tenha um coração sair ileso, e nos obriga a dosar o instinto de sobrevivência natural com uma resposta solidária e sistêmica.

Como a Unipar é o maior produtor de cloro-soda da América Latina, temos um papel importante ainda que discreto na vida diária do país. Abastecemos a Sabesp com todo o cloro líquido que ela usa em seus processos de tratamento de água. A Sabesp, por sua vez, abastece 28 milhões de pessoas.

Derivados do cloro, por sua vez - como soda e PVC - são usados na fabricação de papel, alumínio, tubos, cabos e centenas de ítens que o hábito e as conveniências da vida moderna tornaram imprescindíveis.

Além disso, outro produto que fazemos, o ácido clorídrico, é fundamental para a eliminação do vírus de superfícies. (Estamos doando para as prefeituras de cidades mais pobres e aumentamos a produção para atender o tamanho deste enfrentamento.).

Quando percebemos o tamanho da crise, ficou claro que teríamos que produzir ainda mais, pois nossas commodities ganhariam um protagonismo improvável: isoladas em casa, as pessoas precisariam, no mínimo, de água tratada e produtos de limpeza.

Tragicamente esse vírus, assim como nossos produtos, afeta a todos - e numa escala que só saberemos quando a pandemia tiver chegado ao final.

A crise também revela o pior e o melhor no ser humano, que costuma ter as duas coisas dentro se si. Recebi propostas sugerindo formas de ganhar mais com a crise. "Que tal uma nova marca de água sanitária?"

Fiquei pensando em como declinar educadamente daquela visão superficial e pretensiosa, certamente destinada ao insucesso em um horizonte mais largo. Acabei sendo educado na resposta - "Não posso fazer isso com meus clientes" - ainda que minha vontade era ser mais duro.

Um dos que me procuraram com a ideia "fantástica" depois teve a hombridade de me ligar e pedir desculpas. Confessou não haver pensado direito no que fez e disse estar arrependido. Hoje admiro mais essa pessoa. Ética se aprende ao longo da vida, e às vezes, errando.

Nesta crise, todos que estamos acostumados com a competição temos que passar a apreciar o valor da cooperação - seja da empresa grande com o cliente pequeno, do sistema financeiro com o setor real, do empregador com o empregado.

O zeitgeist está aí para quem quiser ver e, se possível, praticar. No Instagram, um funcionário me disse que decidiu pagar a escola dos filhos mesmo sem que haja aula, "afinal, eles também tem que pagar o salário de quem trabalha lá."

A primeira reação do ser humano é sempre procurar o que é melhor para si mas, se admitirmos nossas fraquezas e interesses, poderemos chegar mais perto do tal do longo prazo, do altruísmo e da empatia. Só eles serão capazes de nos manter unidos, em laço, no momento crítico em que estamos.

E isso não é ser idealista. É ser pragmático.

(*) Frank Geyer Abubakir é o acionista controlador e presidente do conselho da Unipar. Artigo publicado no site braziljournal.com .

MÁRIO HEINEN: Psicólogo, pós-graduado em Administração de RH, Dinâmica de Grupo, e em Gestão da Qualidade para o Meio Ambiente. Consultor de pessoas e de organizações em Desenvolvimento Humano & Organizacional: Gestão de Pessoas/RH, Pesquisa/Diagnóstico Organizacional e de Comunicação Interna, T&D, Planejamento Estratégico, Excelência em Serviços e no Atendimento ao Cliente, 'Eco Training', 'Coaching' (ABRACOACHING); Palestrante, Instrutor de Treinamentos e Educador Experiencial. Ex-professor da UFRGS (Escola de Administração), da ULBRA (Psicologia), e ex-Diretor da FAJERS. Sócio Diretor da HEINEN - Parceria em Recursos Humanos. Psicoterapeuta, Bombeiro Voluntário, Chef de Cozinha e Embaixador da Jr. Achievement/RS.

 

 

Compartilhar:

 

< Voltar           Imprimir

Ir à página inicial Notícias Sobre Ecotraining Serviços Parcerias Contato