Blog »

'MAIORIA DOS JOVENS ENCARA FEEDBACKS DE FORMA POSITIVA' é o tema de hoje do TEXTO DA TERÇA...!

Última Atualização: 16/04/2018 às 22:41:53 por: mario
MAIORIA DOS JOVENS ENCARA FEEDBACKS DE FORMA POSITIVA

Para 75,14%, posicionamento da chefia ajuda a melhorar comportamento.
Já 21,62% disseram que aceitam, mas ficam pensando na avaliação.

Pesquisa realizada pelo Núcleo Brasileiro de Estágios (Nube) mostrou que os jovens encaram os feedbacks de forma positiva e acreditam que o posicionamento da chefia pode ajudar a melhorar seu próprio comportamento.

A pesquisa "Como você recebe feedback de um chefe?" foi feita com 4.964 participantes.

Do total dos entrevistados, 75,14%, ou seja, 3.730 jovens, afirmaram que o feedback é uma boa atitude e que pode trazer resultados.

"A Geração Y está presente no mercado e tem por principal característica a vontade de desenvolvimento e reconhecimento profissional. Assim, muitos possuem consciência da importância dessas pontuações vindas do gestor para elevar seu conhecimento", explica Paula Borges, analista de recrutamento e seleção do Nube.

Na segunda posição, com 21,62%, ficou a opção "aceito, mas sempre questiono comigo mesmo a avaliação dele". Segundo Paula, os jovens que ficam com a 'pulga atrás da orelha' devem tentar entender o motivo pelo qual não digeriu essa situação. "Os retornos negativos podem propiciar significativas mudanças. Portanto, ser flexível ajuda a modificar comportamentos para sua melhoria".

Em terceiro lugar, ficou a opção "desmotivante, pois sou muito crítico comigo mesmo", com 1,73% ou 86 pessoas, seguido por "detesto, nunca me ajuda em nada", com apenas 1,51%.

Para quem não gosta de feedback, Paula lembra que é importante se manter aberto, ouvir e refletir. "Ficar na defensiva e não procurar entender a opinião do próximo pode prejudicar seu desempenho e sua imagem na organização", diz.

O objetivo do feedback é melhorar o aproveitamento da equipe como um todo. Por isso, Paula lembra que os profissionais devem estar preparador para esse momento. "A forma como isso será feito pode transparecer sua posição defensiva. Sendo assim, controle suas emoções e, se possível, treine com alguém antes de receber a devolutiva do seu gestor. Isso o fará um profissional melhor."

(*) Artigo publicado em g1.globo/concursos-e-emprego .

MÁRIO HEINEN é psicólogo, pós-graduado em Administração de RH, Dinâmica de Grupo e em Gestão da Qualidade para o Meio Ambiente. Consultor de pessoas e de organizações em Desenvolvimento Humano & Organizacional: Gestão de Pessoas/RH, Pesquisa/Diagnóstico Organizacional e de CI/Endomarketing, T&D, Planejamento Estratégico, Qualidade Total, Excelência em Serviços, 'Eco Training', 'Coaching' (ABRACOACHING); Palestrante, Instrutor de Treinamentos e Educador Experencial. Ex-professor da UFRGS (Escola de Administração), da ULBRA (Psicologia), e ex-Diretor da FAJERS. Sócio Diretor da HEINEN - Parceria em Recursos Humanos. Empresário e Chef de Cozinha.

 

Compartilhar:

 

< Voltar           Imprimir

Ir à página inicial Notícias Sobre Ecotraining Serviços Parcerias Contato