Blog »

Última Atualização: 27/12/2016 às 18:07:19 por: mario
VIVER AO CONTRÁRIO
Se a gente vivesse a vida de trás para a frente, é assim que a vida seria vista: viver é dureza. Toma todo o seu tempo, todos os fins de semana e, no fim, o que é que você ganha...? A morte: ‘grande vantagem'...
Acho que o ciclo da vida está invertido. A gente devia primeiro morrer - assim, logo ficaria livre disso. Em seguida viriam vinte anos num asilo. Ao atingir a maturidade, a gente seria desligado do asilo, ganharia um relógio de ouro e iria trabalhar. Depois de trabalhar uns quarenta anos, até ficar jovem o suficiente, viria a aposentadoria.
Daí a gente iria para a faculdade, experimentaria drogas, álcool, iria a festas, até ficar preparado para o colegial. Depois do colegial viria o primário, a gente viraria criança, poderia brincar, não ter responsabilidade. Daí, todo mundo seria bebê de novo, voltaria ao útero, passaria os últimos nove meses flutuando, e terminaria como um brilho no olhar de alguém. (Roger Von Oech)
 
VIDA
Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para a frente do que já vivi até agora. Tenho muito mais passado do que futuro. Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de cerejas. As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço. Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte. Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha. Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica, são imaturas. Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário-geral do coral. 'As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos'. Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa... Sem muitas cerejas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; quem sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade. Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade. O essencial faz a vida valer a pena. E para mim, basta o essencial!" (Mário de Andrade)
 

PEGADAS  NA  AREIA

“Uma noite eu tive um sonho...

Sonhei que estava andando na praia, com o Senhor; e, através do Céu, passavam cenas da minha vida. Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia: um era o meu, e o outro era o do Senhor. Quando a última cena da minha vida passou diante de nós, olhei para trás,para as pegadas na areia, e notei que – muitas vezes - no caminho da minha vida, havia apenas um par de pegadas na areia. Notei, também, que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver. Isso entristeceu-me deveras, e perguntei então ao Senhor:

“Senhor, Tu me dissestes que, uma vez que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre comigo, todo o caminho. Mas notei que, durante as maiores atribulações do meu viver, havia na areia dos caminhos da vida apenas um par de pegadas. Não compreendo porque, nas horas em que eu mais necessitava de Ti, Tu me deixastes.”

O Senhor me respondeu:“meu precioso filho. Eu te amo e jamais te deixaria nas horas da tua prova e do teu sofrimento.Quando vistes na areia apenas um par de pegadas, foi exatamente aí que Eu, nos braços, ... te carreguei!” (Autor desconhecido)

NÃO ESQUEÇA...

que o dia mais belo é HOJE;

que a coisa mais fácil é ENGANAR-SE;

que o maior obstáculo é o MEDO;

que o maior erro é ABANDONAR-SE;

que a mais bela distração é o TRABALHO;

que a maior derrota é o DESALENTO;

que os melhores professores são as CRIANÇAS;

que a primeira necessidade é COMUNICAR-SE;

que o que nos faz mais feliz é SER ÚTIL AOS OUTROS;

que o maior mistério ainda é a MORTE;

que o pior defeito é o MAU HUMOR;

que a pessoa mais perigosa é a MENTIROSA;

que o pior sentimento é o RANCOR;

que o mais belo presente é o PERDÃO;

que o mais imprescindível é o LAR;

que o caminho mais rápido é o CORRETO;

que a sensação mais gratificante é a PAZ INTERIOR;

que o abrigo mais eficaz é o SORRISO;

que o melhor remédio é o OTIMISMO;

que a força mais potente do mundo é a FÉ;

que as pessoas mais necessárias são os PAIS;

e que a coisa mais bela de todas é o AMOR.

                                                (Madre Tereza de Calcutá)

MÁRIO HEINEN é psicólogo, pós-graduado em Administração de RH, Dinâmica de Grupo e em Gestão da Qualidade para o Meio Ambiente. Consultor de pessoas e de organizações em Desenvolvimento Humano & Organizacional: RH, Pesquisa/Diagnóstico Organizacional e de CI/Endomarketing, T&D, Planejamento Estratégico, Qualidade Total, Excelência em Serviços, 'Eco Training' e 'Coaching' (ABRACOACHING). Ex-professor da UFRGS (Administração), da ULBRA (Psicologia), e ex-Diretor da FAJERS. Sócio Diretor da HEINEN - Parceria em Recursos Humanos.

                  

 

 

 


 
 
 
Compartilhar:

 

< Voltar           Imprimir

Ir à página inicial Notícias Sobre Ecotraining Serviços Parcerias Contato